Iniciação Científica

 

As Faculdades Integradas de Aracruz seguem a orientação do CNPq que caracteriza a Iniciação Científica como um instrumento de apoio teórico e metodológico à realização de um Projeto de Pesquisa e, que constitui um canal adequado de auxílio à formação de uma nova mentalidade no aluno, ou seja, funciona como instrumento de formação. Seu principal objetivo é preparar o estudante de graduação para o ingresso no universo da pesquisa científica tendo em vista o mestrado e o doutorado.

 

Para tal, a Supervisão de Pesquisa conta com o apoio da Fundação São João Batista e de órgãos de fomento externo como a FAPES e o CNPq no sentido de proporcionar apoio financeiro na forma de bolsas e descontos para os alunos envolvidos na proposta. O programa conta com um Processo Seletivo para privilegiar projetos de pesquisa com qualidade acadêmica, mérito científico e, principalmente, possibilitem a boa formação dos estudantes participantes.

 

 

 Proposta de Iniciação Científica

Para participar das atividades de pesquisa, no âmbito de uma das modalidades do Programa de Iniciação Científica, o acadêmico deve preencher no mínimo as seguintes condições:

 

•  Apresentar rendimento escolar satisfatório;
•  Possuir currículo na Plataforma Lattes – CNPq;
•  Não possuir vínculo empregatício, ou qualquer outro tipo de bolsa;
•  Ter disponibilidade de pelo menos 10 horas semanais às atividades do Projeto de Pesquisa;
•  Assumir o compromisso de participar do Encontro de Iniciação Científica promovido pela FAACZ;
•  Ter cursado o primeiro semestre de curso de graduação e não concluir o curso no período de
    vigência da bolsa.

 

 

 Requisitos para envolvimento do docente com a IC

Para participar das atividades de pesquisa, no âmbito de uma das modalidades do Programa de Iniciação Científica, o docente deve preencher no mínimo as seguintes condições:

 

•  Possuir, no mínimo, regime de trabalho de 20 horas semanais e título de Mestre.
•  Casos excepcionais poderão ser analisados pela Supervisão de Pesquisa.
•  Possuir Projeto de Pesquisa aprovado pela Supervisão de Pesquisa e estar em dia com suas obrigações perante esta supervisão;

 

 

 Submissão da proposta de Iniciação Científica

A proposta deverá ser montada pelo docente proponente com limite de 04 orientações. A proposta deverá ser submetida inicialmente ao curso de origem do docente e aprovada pelo colegiado. O professor orientador deve oficializar o pedido de Iniciação Científica junto a Coordenação do seu curso incluindo a seguinte documentação:

 

•  Formulário de Inscrição (a ser fornecido);
•  Formulário de Pesquisa (a ser fornecido);
•  Termos de Compromisso do Orientador e do Acadêmico;
•  Histórico do Acadêmico;
•  Currículo Lattes do Orientador;
•  Currículo Lattes do Acadêmico.

 

Importante: Toda documentação solicitada deverá  ser encaminhada a Supervisão de Pesquisa, para aprovação e alocação das bolsas seguindo editais específicos.

 

 

Holler Box